O ímpio com a boca destrói o próximo, mas os justos são libertados pelo conhecimento. Provérbios 11:9








Data Publicação: 07/08/2018 21:58:03
Profeta Judeu Jeremias: Judá quebra a Aliança

Judá quebra a Aliança com D'us!

A pregação pública, diante de uma das portas do templo de Salomão acabou, agora Adonai chama o profeta novamente para profetizar.

 

Da primeira pregação:

Adonai prepara o profeta e dá-lhe um tema para a mensagem pública e o manda dizer que essa mensagem é para todo o povo de Judá e Jerusalém.

O tema da mensagem pública é: A Aliança Mosaica.

 

A mensagem que Adonai manda o profeta dizer diante do povo é:

"... Maldito o homem que não se atentar para as palavras desta Aliança...".

 

D'us começa a recordar o povo sobre a libertação no Egito, e ordena o arrependimento nacional.

Adonai também recorda sobre o juramento que ele fez, no qual ele daria Canaã para o seu povo e mostra que ele tem o poder de dar quando ele quiser!

Mas, mesmo diante da pregação do profeta, o povo continua na idolatria e não se arrepende dos pecados...

 

Da segunda pregação: 

Novamente Adonai volta a chamar Jeremias, mas  agora ele ordena o profeta a pregar nas cidades de Judá e nas ruas de Jerusalém!

O Eterno recorda o povo sobre o Egito, falando sobre a dureza dos corações dos pais da nação e compara com a dureza do coração do povo no tempo presente.

D'us usa recordações do passado para trazer reflexões no presente, e evitar uma tragédia disciplinar no futuro.

Mas, mesmo assim o povo não se arrepende dos pecados e Adonai diz que ele trará as maldições descritas em Deuteronômio, como parte do contrato sinaítico.

O exemplo da punição dos pais no passado, não serviu de exemplo para os filhos no presente - Assim como os primeiros foram punidos, os de agora também serão.

Tudo isto porque eles preferiram servir os deuses dos gentios!

 

Silas Anastácio
Evangelista e Expositor Bíblico
JERUSALÉM ETERNA