O ímpio com a boca destrói o próximo, mas os justos são libertados pelo conhecimento. Provérbios 11:9








Data Publicação: 27/06/2018 16:30:09
O ministério do profeta judeu Jonas

Jonas (significa pomba), filho de Amitai (significa verdade), morava próximo a Nazaré em Israel - Reino do Norte; foi chamado por Adonai para profetizar aos gentios, os Assírios.

O Reino do Norte, Israel estava em um grande colapso espiritual que teve atuação dos profetas Elias, Eliseu, o qual tinham operado grandes milagres em Israel, mas mesmo diante disto o povo não se converteu de seus pecados.

O ministério do profeta Jonas é posterior aos profetas Elias e Eliseu, enquanto ambos atuam em Israel, o ministério de Jonas era sobre os gentios Assírios.

A Assíria era uma superpotência militar e estava se preparando para invadir Israel - Profetizado por Amós.

O rei de Israel, Jeroboão II foi tão idólatra quanto o Jerobão I e havia colocado ídolos em Samaria, Betel, assim como conduziu os sacerdotes para a prática de idolatria.

Neste momento Jonas é convocado a profetizar castigo sobre os Assírios, devido à tamanha crueldade da nação gentílica. 

Adonai disse ao profeta que a nação seria destruída em 40 dias!

Os Assírios, como uma superpotência militar eram temidos pelas nações, eles eram cruéis - Praticavam cultos a vários deuses, queimavam crianças vivas em culto idólatra, capturavam seus prisioneiros em anzóis, praticavam empalamento, matavam bebês ainda no ventre de suas mães e muitas vezes tiravam a pele de seus prisioneiros com eles ainda vivos!

Jonas, patriota, sabendo de tudo isto se recusou a profetizar sobre os Assírios, temendo que eles se arrependessem, principalmente porque tais práticas foram usadas para exterminar os próprios israelitas.

Adonai, então disciplina o profeta Jonas, e o ensina a ser um grande missionário.

Diante das profecias de Jonas, há um arrependimento nacional em Nínive, e Adonai ensina ao profeta, o que é ter compaixão.

Jonas é o profeta que Adonai usou para demonstrar seu amor e interesse pelos gentios, assim como colocar ciúmes sobre Israel por não se converter dos seus maus caminhos.

 

Silas Anastácio
Evangelista e Expositor Bíblico
JERUSALÉM ETERNA